Posts filed under ‘Doenças alimentares’

Dieta do sexo: escolha bem os alimentos e melhore sua performance na cama

Salmão, chocolate, suco de uva, nozes: é grande a lista de alimentos que fazem bem à saúde e ao relacionamento. Isso porque ingredientes que parecem inocentes à primeira vista podem provocar uma ação poderosa no organismo, contribuindo para o aumento do desejo e das sensações de prazer, por conta do crescimento do fluxo sangüíneo nas regiões sexuais.

O sexo rejuvenesce na medida em que provoca bons sentimentos, fortalece a união com o parceiro e libera hormônios que melhoram a saúde. Podemos ensinar a maximizar a biologia e a química de seu corpo para fortalecer seus relacionamentos. Um cardápio bem cuidado é determinante para viver mais, melhor e isso inclui a saúde sexual.

Para aumentar sua performance e permanecer feliz e saudável, conheça os alimentos e substâncias que têm propriedades boas para o organismo para o coração:
ÔMEGA 3: Salmão e nozes são alguns dos alimentos que contêm o ácido graxo docosahexaenóico (DHA), uma substância que faz as artérias produzirem mais óxido nítrico e potencializa os orgasmos. Anote os outros alimentos e substâncias que aumentam o fluxo de sangue em todo o corpo, inclusive, nos órgãos sexuais: alho, zinco, selênio, ácido fólico e vitaminas C e E.

CHOCOLATE: Em forma de cacau puro, a iguaria tem uma substância chamada flavonóide, capaz de aumentar os níveis de óxido nítrico em nosso organismo, que, por sua vez, dilata as artérias e tem efeito especialmente para pessoas acima de 50 anos. Os flavonóides estão presentes em outros alimentos, como o vinho, o chá preto e o suco de uva concentrado, indica o especialista.

TRIBULUS TERRESTRIS: Segundo o médico, estudos mostram que a erva natural pode ter efeito benéfico para homens e mulheres com queda de libido. Ela aumentaria a produção de hormônios luteinizantes (que regulam a secreção da progesterona na mulher, entre outras funções, e aumenta a produção de testosterona) provocando efeito afrodisíaco. Pode ser usada em tratamentos para infertilidade feminina, impotência e baixa de libido.
SUCO DE UVA: Os polifenóis, que tem propriedades antioxidantes, presentes no suco feito com o tipo de uva Concord, estimulam as células endoteliais a liberar óxido nítrico, que ajuda não apenas a prevenir doenças cardiovasculares, mas a manter a saúde dos vasos sangüíneos e o equilíbrio da pressão arterial.

E a nossa catuaba, o amendoim de todo fim de semana e os ovinhos de codorna que ganharam fama de afrodisíacos ao longo dos anos? Ainda não há nada que ateste sua eficácia. Confira outros alimentos que prometem, mas, segundo o médico, ainda não tiveram seu benefício comprovado no aumento do desejo sexual:
– Maçã (confere bom hálito)
– Aspargos (ricos em vitamina E, favorecem o trabalho dos hormônios)
– Bananas (contêm a enzima bromelina, que parece aumentar a libido masculina)
– Repolho (aumenta o fluxo sanguíneo)
– Aipo (contém androsterona, um hormônio liberado com o suor masculino que excita as mulheres) – Figo (rico em aminoácidos que aumentam a libido)
– Ostras (ricas em zinco, que contribui para a produção de testosterona)
– Noz moscada (aumenta a atividade sexual em ratos)

No entanto, a melhor coisa que se pode fazer com a boca para um relacionamento (sem pensamentos maliciosos) é conversar. Saber o que o parceiro deseja é fundamental para que o sexo seja bom para os dois.

Fonte: Blog Ao Bel-Prazer

Posts anteriores relacionados:
O verbo comer e suas significações – Alimentação e sexo
Sabor e sedução – afrodisíacos
Lingerie comestível – caia de boca!

julho 11, 2008 at 12:59 am 7 comentários

Thin – Documentário sobre anorexia

Thin” é um documentário que fornece uma janela para o complicado e difícil processo de tratamento, a cultura da reabilitação e a experiência de lutar contra uma desordem alimentar.

O resultado é uma jornada emocional rica em experiências que permite um maior entendimento da complexidade das desordens alimentares: que elas não são simplesmente sobre comida, imagem corporal ou auto-estima; mas um emaranhado de razões pessoais, familiares, culturais e de saúde mental.
Thin revela os rostos e as histórias por trás das estatísticas dessa crescente desordem através de depoimentos pessoais de 19 residentes de diversas idades e experiências de vida, registros jornalísticos e ensaios de especialistas na área dos distúrbios alimentares.
Título: “Thin” (“magra”)
Diretora: Lauren Greenfield
Assista a esse excelente documentário:
Primeira parte:

Segunda parte:

Terceira parte:

Quarta parte:

Quinta parte:

Sexta parte:

Sétima parte:

Oitava parte:

Nona parte:

Décima parte:

Décima primeira parte:

Décima segunda parte:

Décima terceira parte:

Última parte:

 

Fonte: Site oficial Thin

Posts anteriores relacionados:
Anorexia
Regime drástico
Alimentação e beleza
Hora do recreio – Hora de comer bem

julho 3, 2008 at 5:18 pm 5 comentários

Alimentação e beleza

Que tal melhorar o seu visual e de quebra se alimentar com qualidade?

Na busca por uma pele bonita, cabelos mais hidratados e pelo corpo tão sonhado, homens e mulheres fazem crescer o mercado da beleza, os produtos desse meio são tantos que as pessoas até se perdem em meio a eles.
No entanto, deve-se destacar que não basta só utilizar esses produtos. A alimentação tem forte e decisiva participação nesta caminhada rumo à beleza saudável. O segredo de um corpo belo e saudável está na escolha da dieta, ou seja, dos alimentos que comemos.

Frutos do mar para a pele que descama
A causa pode ser carência de zinco (encontrado em frutos do mar e carne vermelha) ou das vitaminas C e E. Coma todos os dias vegetais verde-escuros, como couve, agrião, rúcula e escarola (fontes de vitamina C), um punhado de castanhas e tempere a salada com azeite extravirgem (fontes de vitamina E). Aproveite também para consumir sem culpa vitamina A (cenoura, mamão, tomate, manga e abóbora) e a D (queijo branco e iogurte desnatado), que ajudam a manter a pele viçosa. Uma dica valiosa é tomar 10 minutos de sol diariamente, de preferência antes das 10 horas e depois das 16 horas.
Aí vão algumas dicas:

Soja contra pés e calcanhares rachados
O problema é um alerta do corpo de que há aumento de fungos. Para combatê-los, coma alimentos ricos em biotina (vitamina H), como fígado, soja (grão, tofu, missô ou proteína texturizada) e gema de ovo. A vitamina também é produzida pelas bactérias do bem que se alojam no intestino. Sua carência está ligada à furunculose, seborréia, eczema e aumento dos fungos no corpo. Para dar uma forcinha à hidratação da pele nessa região, não se esqueça ainda de massagear os pés com óleo de linhaça.

Castanha para vasinhos
Varizes e vasinhos podem indicar deficiências nutricionais ou congestão do fígado. Reforce as doses de vitamina E, presente nas castanhas, abacate e amêndoas. Como são ricos em selênio, importante antioxidante, esses alimentos diminuem o colesterol ruim e melhoram a circulação sanguínea. Evite roupas apertadas, faça muito exercício e dê adeus ao cigarro.

Sementes para unhas quebradiças
Quando elas estão quebradiças ou esbranquiçadas, é um alerta do organismo para carência de cálcio, zinco e magnésio. Recorra a sementes de abóbora e girassol (sem casca) e a brócolis, couve-de-bruxelas, lentilha, repolho, carnes magras, feijões, cereais integrais. Boas fontes desses minerais, eles fortalecem as unhas e as deixam mais bonitas e resistentes.

Melancia contra a gordura localizada
O problema pode ser hereditário ou conseqüência de hormônios desregulados, sedentarismo ou aumento de peso. Para combatê-la, reforce a alimentação com melancia e abacaxi: diuréticas, essas frutas ajudam a eliminar as toxinas do organismo. Invista também em verduras, cereais integrais e muita água. Aumentando a ingestão de fibras, o intestino funciona melhor e a saciedade aumenta. Fuja de fritura, pão e arroz brancos, pratos gordurosos, refrigerante e doce, alimentos para os adipócitos, as malignas células de gordura que, nas mulheres, tendem a se concentrar nos quadris e abdômen. Evite o sal, que retém líquidos e causa inchaço.

Rúcula contra lábios rachados
Sabe aquelas fissuras ao redor dos lábios ou no canto da boca? São conseqüência da falta de vitamina B2. Recorra aos vegetais de folhas verde-escuras (rúcula, almeirão, couve, escarola), amêndoa crua e gérmen de trigo.

Salmão contra flacidez
As causas podem ser herança genética, falta de exercício, excesso de peso e até má postura. Exercitar-se é fundamental – e a boa notícia é que existem alimentos que podem dar uma forcinha. Aposte em uma dieta rica em proteína magra para estimular a produção de colágeno: atum, salmão, ovo, peito de peru ou frango, queijo cottage, iogurte desnatado. Mas evite bacon, presunto e manteiga, que são ricos em gordura de origem animal e aumentam o colesterol ruim, entopem as artérias e prejudicam a circulação. Conseqüência: retenção de líquido e acúmulo de gordura e flacidez nos quadris e abdômen.

Chá de bardana contra a celulite
A retenção de líquido, as alterações hormonais, a vida sedentária e a alimentação inadequada podem desencadear ou agravar o problema. Para amenizá-lo, diminua sal (que retém líquido e causa inchaço), gordura, açúcar, café e álcool (que intoxicam o organismo). Abuse da água, sucos e chás desintoxicantes, como o de bardana (raiz encontrada nas feiras). Aumente a ingestão de pão e macarrão integrais, aveia, farelo de trigo, frutas com casca e bagaço. Ricos em fibras, eles diminuem o colesterol, aumentam a saciedade, melhoram o funcionamento intestinal e varrem as toxinas do organismo.

Ovo para um cabelo bonito
Como os fios são formados basicamente de proteína (queratina), para mantê-los saudáveis é importante ingerir boas fontes protéicas: ovo, carne magra, iogurte desnatado, queijo branco, leguminosas (feijão, soja) e grãos integrais. Se estiver perdendo cabelo, as causas podem ser hormonais ou falta de ferro, cálcio, potássio e vitamina B6. Contra-ataque com fontes desses nutrientes: brócolis, nozes, feijão, banana e aveia. Para deixá-los bonitos e brilhantes, recorra aos sais minerais contidos nas algas e às proteínas dos brotos, cereais e sementes. Corpo enxuto? coma mais frutas

Fonte: Boa forma

Como diz o velho ditado: “a real beleza é aquela que vem de dentro”, por isso faça uma aliança entre alimentação saudável e uma vida feliz, assim a beleza sempre estará presente!

julho 2, 2008 at 5:10 pm 2 comentários

Denúncia!

Acredite!
Você pode estar sendo enganado!

Fonte: Macaco Tião
Posts anteriores relacionados:
Marketing e realidade
Criatividade com a comida

junho 19, 2008 at 4:40 pm 1 comentário

Conheça a sua carne – Meet your meat

Assista ao ótimo documentário feito por pessoas que não que são contra o consumo de carne e seus derivados.
Há cenas muito chocantes!
“Depois de ver com seus próprios olhos o cruel processo de criação de animais para virarem comida, você entenderá por que milhões de pessoas decidiram deixar a carne fora de seus pratos. Para sempre.”
Parte 1

Parte 2

Posts anteriores relacionados:
Alimente-se de forma consciente
Sedução vegetariana
Canibalismo
Vegetarianos

junho 16, 2008 at 12:45 am 1 comentário

Hora do recreio – Hora de comer bem

É indiscutível a importância da alimentação das crianças. O que é bem discutível é a qualidade desse alimento consumido pelos jovens, principalmente nas escolas, longe dos olhares dos pais.
Assista a essa excelente entrevista do Pediatra Juarez Furtado sobre o tema:


Posts anteriores relacionados:
Biscoito recheado – amado inimigo
Infância: obesidade e desnutrição

maio 4, 2008 at 2:17 pm 4 comentários

Gorduras: comer ou não comer?

Gorduras e mais gorduras. Elas estão aí, por toda parte: nos salgadinhos, sorvetes, doces, biscoitos, carnes, leite, manteiga. E todos dizem que são as inimigas da saúde e da boa forma. Mas será que elas são tão ruins assim?
saude.jpg
Tudo vai depender da quantidade e do tipo de gordura que você consome. Hoje em dia, as pessoas alimentam-se uma quantidade enorme de produtos ricos em gorduras da pior qualidade, especialmente as saturadas e as hidrogenadas. Já ouviu falar delas? Boa parte vem de produtos industrializados, como biscoitos, bolos e congelados. Outra vem de frituras, salgados e embutidos, como salame, mortadela e lingüiça, e também de carnes muito gordas. Tem gente que ainda adora encher o pão de manteiga ou entope o sanduíche com maionese.
Assista a um vídeo que trata do tema:

Realmente, nesse caso, as gorduras, que na medida certa são essenciais ao nosso organismo, vão se tornar vilãs, inimigas mortais, que podem levar à obesidade e a doenças do coração. Mas se, ao contrário, você optar por uma alimentação equilibrada e saudável, verá que existem até mesmo gorduras amigas, as monoinsaturadas e poliinsaturadas, presentes, por exemplo, em óleos vegetais, peixes, azeite de oliva, sementes e nozes. Essas podem e devem fazer parte do seu cardápio.
piramide-alimentar.jpg

Parece horrível ter que se afastar dessas delícias? Talvez… Mas com um cardápio variado e criativo, você vai ver que pode ter uma alimentação gostosa e saudável e ainda se sentir melhor com o seu próprio corpo. E a sua saúde, com certeza, agradece.

gordura.jpg
Dicas para cortar o excesso de gorduras:
– Evite carnes de porco, lingüiça, mortadelas, salame e presuntos com gordura. E nada de comer a gordurinha da carne!
– Prefira carnes magras grelhadas, assadas ou cozidas, evitando refogar a comida por muito tempo.
– Como o aquecimento transforma as gorduras insaturadas em saturadas, experimente também cozinhar os alimentos apenas com água e tempero e deixe para acrescentar um pouquinho de azeite só quando a comida estiver quase pronta.
– Não reaproveite óleo de cozinha.
– Não tem grelha em casa? Use panelas antiaderentes para dispensar o óleo, pingando um pouco de água ou molho de tomate.
– Retire a pele do frango e a gordura da carne antes de cozinhá-la. Para amaciar a carne sem gordura, deixe descansar em uma mistura de ervas e vinagre, limão ou vinho.
– Depois de cozinhar ou assar os alimentos, retire o caldo de gordura que fica no fundo. O mesmo vale para aquela camada branca que fica em cima da carne depois de ela ter ido para a geladeira: é gordura saturada, tire-a antes de esquentar.
– Já existem sorvetes deliciosos e sem gordura!
– Evite fast foods.
– Não esqueça: azeite de oliva é uma gordura do bem, mas engorda!
– Manteiga ou margarina? Difícil dizer. A manteiga é rica em gordura saturada e a margarina, em gordura hidrogenada. Se for indispensável para você, use as margarinas light, que são livres de gordura trans, ou a manteiga light, que tem menor teor de gordura.
– Beba mais água e coma mais fibras, contidas em frutas, verduras cruas, e cereais integrais. Elas ajudam a eliminar a gordura nociva do organismo.
obesidade.jpg

Posts anteriores relacionados:
Sedução vegetariana
Mac Donald’s e seu estranho menu pelo mundo
Infância: obesidade e desnutrição
Alimentação e saúde
Super Size Me – a dieta do palhaço

março 18, 2008 at 5:37 pm 10 comentários

Posts antigos


Calendário

julho 2017
S T Q Q S S D
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Posts anteriores

Estatísticas

  • 1,402,583 Visitas

Visitantes agora no blog

counter

Page Rank

PageRank

Categorias